quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Monumento às Bandeiras amanhece pichado em São Paulo

O Monumento às Bandeiras, na zona sul de São Paulo, amanheceu pichado nesta quarta-feira (2). Na escultura - criada por Victor Brecheret - que fica próxima ao parque Ibirapuera, foram escritas palavras contra a PEC 215 (Proposta de Emenda à Constituição) que transfere a competência da União na demarcação das terras indígenas para o Congresso Nacional e possibilita a revisão das terras já demarcadas. Também foi pichada a frase "bandeirantes assassinos". A Secretaria Municipal de Cultura informou que enviou "equipe responsável para efetuar a limpeza do local". 
Monumento ás Bandeiras, na zona sul de São Paulo amanheceu pichado nesta quarta-feira (2) Renato S. Cerqueira/Futura Press/Folhapress
Ontem (1º), a presidente Dilma Rousseff afirmou, em sua conta no Twitter, que é contra a PEC. A proposta segue em tramitação no Congresso Nacional e recebe uma ampla pressão contra a sua aprovação por parte de índios e organizações sociais.
"Meu governo é contra a PEC 215, que retira da União direito de demarcar as terras indígenas. Orientei a base do governo a votar contra a PEC", disse Dilma pelo serviço de microblog.
A Frente Parlamentar em Defesa dos Povos Indígenas abriu ação no STF (Supremo Tribunal Federal) para tentar suspender a tramitação da proposta. No último dia 20 de setembro, contudo, o ministro Luís Roberto Barroso negou o pedido de liminar.
Postar um comentário