sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

GCM notifica condomínio por depositar lixo fora do horário de coleta na zona leste de SP

Um descarte ilegal de entulho também foi flagrado na zona norte da cidade. A multa para os infratores é de R$ 13 mil. No mês de janeiro, a corporação registrou 12 ocorrências de descarte irregular de entulho e lixo na região leste.

Durante ronda na Rua Desembargador Andrade Pinto, 22 – Aricanduva/Formosa, os guardas civis metropolitanos visualizaram por volta das 16h30 grande quantidade de lixo doméstico sobre a calçada num condomínio residencial. O síndico foi acionado e elaborado o Comunicado de Descarte Irregular de Resíduos (CEDIR) com base no artigo 161, da lei 13.478, porque o lixo foi depositado antes do horário da coleta, previsto para as 21horas. A Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (AMLURB) foi contatada e tomará as medidas cabíveis. O condomínio pode ser multado em R$ 13 mil. A ocorrência aconteceu em 31/01.
Foto: GCM Aricanduva/Formosa

Nesta quarta-feira (01/02), a GCM de Pirituba/Jaraguá foi acionada pelo agente vistor que informou sobre descarte de entulho na Rua Tufik Marib, 709 – Parada de Taipas. O autor foi surpreendido e teve seu caminhão apreendido, além de ser multado em R$ 13 mil. A ocorrência foi registrada no 1º DP.
Foto: GCM Aricanduva/Formosa
Balanço

No período de janeiro de 2010 a dezembro de 2011, a Guarda Civil Metropolitana flagrou 999 descartes irregulares de entulhos e lixo na cidade, o que resultou em 2.219 ocorrências, encaminhadas às delegacias ambientais. Também foram efetuadas 738 notificações. Os agentes da corporação ainda atuaram na fiscalização dos perímetros ambientais, principais áreas a serem preservadas na cidade, e parques. Foram realizadas 78.959 verificações e rondas nas áreas de risco (em 6.241 regiões). Cerca de 370 toneladas de lixo e entulho foram retiradas das ruas e encaminhadas para aterros ecológicos da Prefeitura. Os principais materiais de despejo irregular são restos de construção, entulho no geral e resíduos domésticos. A GCM atua com base no Procedimento Operacional Padrão 016 Descarte Irregular de Resíduos.
Fiscalização e Campanha Educativa

Desde 03 de outubro de 2011, a GCM iniciou uma campanha educativa de conscientização e de responsabilização, com entrega de folhetos explicativos aos cidadãos, região central, como Praça da Sé, quadrilátero da Casper Líbero, Mauá, Couto de Magalhães e Bom Retiro e nas 31 Subprefeituras. A divulgação teve como objetivo comerciantes, moradores, carroceiros, informando a importância de não jogar lixo nas ruas, inclusive fora dos horários pré-estabelecidos.

A população pode denunciar prática ilegal de descarte pelo telefone 153 da GCM.
Fonte: www.prefeitura.sp.gov.br/segurançaurbana
Postar um comentário