quarta-feira, 22 de maio de 2013

Marginal arranca e engole pedaço da orelha de PM com mordida, em Goiás

Militar foi ferido ao tentar prender suposta quadrilha de roubo de carros. 
Policial também levou uma mordida na mão durante a abordagem.
Um aspirante da Polícia Militar, que preferiu não ser identificado, teve parte da orelha esquerda arrancada e a mão direita mordida por um homem durante a prisão de uma quadrilha especializada em roubo de carro, na madrugada desta quarta-feira (22), no Setor Cruzeiro do Sul, em Aparecida de Goiânia. Ele conta que entrou em luta corporal com um dos marginais, de 29 anos, que arrancou e engoliu o pedaço da sua orelha. O policial também levou uma mordida na mão. O suspeito acabou preso com a ajuda de um policial civil que passava pelo local.
“Ele [marginal] tinha fugido em um carro roubado e, quando conseguimos encontrá-lo, ele saiu correndo de dentro do veículo e entrou em um lote para se esconder. Quando pulei o muro e entrei no lote, ele tentou pegar minha arma e nós entramos em luta. Neste momento, ele acabou mordendo minha orelha e também a minha mão”, conta o militar. 
Ainda segundo o aspirante, o suspeito foi contido por um agente policial que estava à paisana e participou da ação. Em entrevista ao G1, o agente, que também preferiu não ser identificado, disse que ouviu o militar pedindo ajuda dentro do lote. “Ele gritou que o criminoso estava tentando pegar a arma dele. Entrei e consegui pegar a pistola e prendê-lo rapidamente. Acho que ele foi pego de surpresa porque estava muito escuro lá dentro”, acredita. 
Ação
A equipe do aspirante foi acionada pelo Centro de Operações da Polícia Militar (Copom) após uma quadrilha roubar dois veículos, no Setor Cruzeiro do Sul, em Aparecida de Goiânia. Logo em seguida, eles conseguiram avistar outro carro que, segundo uma das vítimas, foi utilizado para transportar os criminosos. No veículo, estava uma mulher ao volante, que acabou confessando aos policiais militares que tinha levado dois homens para cometer dois roubos. O carro que ela estava também tinha sido roubado no último domingo (19). 
Com isso, outros policiais foram acionados para reforçar a perseguição. Na ação, eles conseguiram prender o suspeito de arrancar a orelha do aspirante e um rapaz de 26 anos, que estava em outro veículo roubado. De acordo com a Polícia Militar, os dois têm passagem latrocínios, homicídios, roubos e furtos e estavam foragidos da Justiça. 
Marginal que mordeu a orelha de PM está preso no 4º Distrito Policial 
(Foto: Adriano Zago/G1) 
Os dois homens e a mulher foram encaminhados para o 4º Distrito Policial (DP), em Aparecida de Goiânia, onde prestaram depoimento e aguardam decisão da Justiça. A PM afirma que as vítimas dos roubos foram encontradas e deverão comparecer no DP para retirar os veículos. 
O aspirante que teve parte da orelha arrancada contou ao G1 que recebeu atendimento médico no Hospital de Doenças Tropicais (HDT), mas irá retornar à unidade para realizar exames. Além disso, o militar afirma que está providenciando uma consulta com um cirurgião plástico para tentar reconstituir parte da orelha esquerda.
Postar um comentário